Galeria

14 de Junho no dia-a-dia dos Beatles

1964:
Ringo Starr, já recuperado, se junta aos Beatles na Austrália.

1965:
Sessão de gravação de “I’ve Just Seen A Face”, “I’m Down” e “Yesterday”. Durante a gravação de “I’m Down”, Paul McCartney se refere a Mick Jagger, repetindo frequentemente “plastic soul, man, plastic soul”.

1966:
Gravação de “Here There and Everywhere”. Paul McCartney revelaria mais tarde que se inspirou em Marianne Faithfull na hora de cantar.

070609browimage1967:
Início das sessões de gravação de “All You Need Is Love”.

Confira a matéria: “All You Need is Love” – o hino pacifista dos Beatles que contribuiu para o “Verão do Amor”

1969:
John Lennon e Yoko Ono aparecem no David Frost Show.

1982:
O tabloide “The Sun” relata que Paul McCartney adquiriu um moinho do século XVIII para transformá-lo em um estúdio de gravação.

1992:
A ITV exibe o especial “The Making of Sgt. Pepper” com Paul McCartney, George Harrison, Ringo Starr e George Martin.

1995:
A ITV Network anuncia que pagou 5 milhões de libras pelos direitos de exibição de “Anthology” e que o documentário será exibido em 41 países.

Anúncios

Uma resposta para “14 de Junho no dia-a-dia dos Beatles

  1. Uma coisa fascinante nos Beatles: as diversas possibilidades de interpretação. Exemplo: All you Need is Love. Aquele começo com a Marselhesa dá o que pensar. Já vi de tudo. Até que John estava se lembrando da viagem a Paris com Paul em 61. rs rs rs. Embora aquela viagem tenha realmente sido importante para ambos, visto que Paul vive se lembrando dela e John quando vivo também reportava a ela com certa regularidade, penso que aqui eles estavam realmente chamando as pessoas para os ideáis revolucionarios contidos na música: Liberdade, igualdade, fraternidade. A marcha com Luther King tinha acontecido em maio. Era hora de conclamar o povo para algo que marcaria todos nós: o verão do amor, que seria a concretização do sonho. Eu fico emocionada porque o disco foi lançado no dia do meu aniversário. Ainda me lembro do que senti, de como eu celebrava meu niver e algo novo chegando pelos nosos porta vozes: The Beatles. Infelizmente, foram eles, ou melhor John Lennon que anunciou o fim do sonho. Que triste.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s