Galeria

As mulheres na vida de John Lennon

Para conhecer mais sobre os assuntos comentados neste artigo, acesse os links adicionados ao longo da matéria.

Nesta semana em que estamos comemorando o 71º aniversário de John Lennon, vamos lembrar a importância das mulheres em sua vida. Não só no que diz respeito aos romances, mas também da relação conturbada com sua tia Mimi e o amor que tinha por sua mãe.

John Lennon com sua tia Mimi

John teve uma infância e adolescência rodeado por mulheres. Apesar de muito ligado à sua mãe, Julia, que o ensinou a tocar banjo, ele foi criado por sua tia Mimi, que sempre foi muito severa e não lhe dava muito apoio para a música.

John e Julia, sua mãe

Mimi criou John cheio de cuidados, mas com uma educação muito rígida. Julia havia deixado o filho aos cuidados da irmã quando ele ainda era muito pequeno, cedendo à pressão de sua família que a criticava por “viver em pecado” com Bobby Dykins. A própria Mimi chegou a entrar em contato com o Serviço Social por duas vezes, alegando que Julia não sabia cuidar do filho. Quando finalmente mãe e filho começam a se aproximar, Julia morre atropelada, fazendo com que John se sentisse novamente abandonado pela mãe. Podemos sentir seu sofrimento na canção “Mother”:

Quando tinha 21 anos, John se casou pela primeira vez com Cynthia Powell, com quem teve o primeiro filho, Julian. Como sabemos, esse casamento foi cheio de problemas, já que que Lennon não demonstrava muito amor por eles.

John Lennon e sua primeira esposa, Cynthia

Após a separação, ele se casa com Yoko Ono, com quem teve Sean e como já foi comentado nesta coluna, este relacionamento foi totalmente diferente do primeiro. John mudou radicalmente sua personalidade, abandonou até a carreira musical por um tempo, pra cuidar da casa e do seu caçulinha, enquanto Yoko cuidava dos negócios.

John e Yoko

Neste meio tempo, surge May Pang, a secretária do casal. Segundo a lenda, Yoko teria sugerido que ela ficasse com seu marido. Durante o período em que o casal John & Yoko estava em crise, John Lennon engatou um romance com May Pang, que o ajudou a se reaproximar do pequeno Julian. Mas não demorou muito para que ele voltasse para os braços de Yoko e chegou a considerar seu romance com May como um “fim de semana perdido” .

Sabemos que por mais conturbado que tenha sido os relacionamentos de John, todas as mulheres  que passaram por sua vida tiveram uma grande importância.

Por tanto, quando se comemora algo sobre John Lennon, temos que lembrar também da participação destas grandes mulheres que com certeza contrubuíram pelo menos um pouco para que ele fosse o grande gênio que foi.

Por Talita Rocha
@
TalitaHarrison

About these ads

2 Respostas para “As mulheres na vida de John Lennon

  1. IN SPITE OF ALL THE DANGER de Harrison/McCartney, traduz a dor da perda de Julia na adolescência de John Lennon.
    No filme “O Garoto de Liverpool (nowhere boy)” quando eles gravam essa música e That’ll Be the Day do Buddy Holly, o John segura o choro, porque a letra fala exatamente da sua decepção/admiração em relação a mãe. Extraordinário.

  2. Tia Mimi lembra a Nair Bello.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s